Triangle Circle Shapes
Square Cross Shapes

Condemned 2™

  • PS3

Consegues enfrentar o terror pela segunda vez?

  • Lançamento: Já à venda
  • Género: Ação
  • Editor: Sega Europe
  • Programador: Monolith
    Condemned 2 screenshot 8

    Ethan Thomas, o instável investigador de crimes em série que caiu em desgraça, regressa na sequela do aclamado Condemned: Criminal OriginsTM.

    Este novo lançamento da Sega of Europe apresenta um moderno sistema de combate que leva a brutalidade a um outro nível. Tens de usar o que precisares para sobreviver, seja um tijolo ou uma tampa de sanita, a par com um arsenal impressionante de armas.

    E vais precisar de tudo, porque Condemned 2 apresenta inimigos de Inteligência Artificial incrivelmente realistas; assassinos brutais que não se deterão perante nada para te fazer sofrer, mas se te tornares amigo deles, podem lutar do teu lado. E com três modos multijogador online para um máximo de 8 jogadores, há conteúdos mais do que suficientes para te contentar

    • Ambientes realistas com objectivos secundários e caminhos múltiplos
    • Inimigos dúbios com IA altamente realista
    • Jogo online para um máximo de 8 jogadores
    Condemned Feature

    Condenado à morte

    Sombrio, violento e apenas para adultos, eis Condemned 2 para a PlayStation 3.

    Condemned 2 é mais do que uma mera adição ao género de atirador de primeira pessoa. Antes de mais, quase nunca utilizas uma arma. Além disso, a personagem que encarnas não é um herói americano de porte militar, mas um alcoólico de nome Ethan Thomas. Apesar desta peculiaridade, Condemned 2 é um dos mais empolgantes, perturbadores e atmosféricos títulos disponíveis para a PS3.

    A história parece saída de um filme de terror. Devido a um fenómeno misterioso, a população de morada transitória de Metro City está a espalhar a violência e o caos, provocando tumultos por toda a cidade. Neste contexto pouco animador, Ethan volta a ser recrutado para a sua antiga unidade (a Serial Crime Unit) para investigar o assassínio brutal e ritualista do seu mentor, Malcolm Van Horn. Segue-se uma história impressionante de violência, loucura e vingança não adequada para os mais sensíveis.

    Punhos de fúria

    A acção decorre sob uma perspectiva de primeira pessoa; porém, ao contrário da maioria dos jogos deste tipo, raramente utilizas uma arma. No centro do enredo encontra-se o combate corpo a corpo, sendo que os punhos são as tuas armas obrigatórias - o botão R1 controla a mão direita e o botão L1 a esquerda. Se mantiveres os R1 e L1 sob pressão simultaneamente, Ethan cruza os braços sobre o peito numa manobra de defesa que pode surpreender os inimigos e torná-los vulneráveis a um contra-ataque. Podes ainda encadear combinações para aumentar os danos, ou agarrar em adversários cambaleantes e dar-lhes o golpe de misericórdia lançando-os de uma varanda ou empurrando-os contra uma parede.

    Além disso, o jogo inclui uma vasta gama de armas de combate a curta distância, de tacos de basebol, tubos de ferro ou tampas de sanitas a próteses de braços e varas de matraquilhos com os jogadores e tudo. Se vires um objecto no chão, o mais provável é que possas utilizá-lo para bater em alguém. Podes recorrer a armas de fogo, mas as munições são extremamente limitadas (restringindo-se ao número de balas no carregador); adicionalmente, o alcoolismo de Ethan influencia a sua pontaria.

    CSI: Metro City

    Em determinados pontos do jogo, deparas-te com cenas de crime que podes investigar utilizando técnicas de polícia científica. Dispões de um sistema GPS e de uma câmara para tirares fotografias do local do crime, assim como de uma lâmpada ultravioleta para a identificação de sangue e de um espectómetro para a detecção de níveis inabituais de ruído ou gases. Quando inicias uma investigação, tens de responder a uma série de perguntas destinadas a reduzir as possibilidades do caso. Por exemplo, ao descobrires um corpo, poderás ter de determinar o seu sexo, mencionar aquela que crês ser a causa da morte, descobrir se o corpo foi movido, etc. Quanto mais precisas forem as tuas respostas, tanto mais elevada será a tua classificação como detective, a qual te permite desbloquear equipamento e elementos adicionais úteis para concluir secções posteriores.

    Os visuais de Condemned 2 são excelentes, mergulhando-te totalmente no seu mundo de pesadelo, uma característica inerente ao género de terror. Os gráficos são assombrosos - cada hotel, beco e armazém foi cuidadosamente recriado para veicular uma intensa sensação de sujidade e mau augúrio. Os sons contribuem também para a atmosfera irresistível do jogo - todos os ruídos vão fazer-te arrepiar e esperar o pior.

    Além do modo de história, é possível entrar directamente na acção através do modo Bloodshot Fight Club, no qual enfrentas desafios com base em combates (por exemplo, tens de proteger um grupo de polícias de uma horda de atacantes ou sobreviver tanto tempo quanto possível numa arena de batalha). As modalidades para vários jogadores permitem a participação de um máximo de 8 jogadores; inclui-se ainda um novo jogo no qual uma equipa de revoltosos tem de esconder provas que os membros da SCU têm de encontrar e identificar. Em conjunto com a já de si sólida experiência para um único jogador, estes modos prometem manter os fãs presos ao ecrã muito depois do final do modo de história.

    Condemned 2 é uma compra obrigatória para os amantes dos jogos de terror. Atmosférico, aterrador, com um enredo arrebatador, combate único e jogabilidade diversificada, o produto final é da melhor qualidade. Experimenta apagar as luzes...
    • Jogadores

       Jogadores

    • Funcionalidades de rede

      Funcionalidades de rede

    • Jogadores em rede

       Jogadores em rede

    • Jogo em rede

      Jogo em rede

    •  
     
     

    Vê-o em ação

    Vídeos e imagens